Arquivo de etiquetas: amor de Deus

Meu Defensor

O sol, tímido, desponta colorindo o céu. Caminho até a beira da água, uma imensidão de esplendor e beleza. O sol, agora um pouco mais alto, sai do horizonte iluminando e dando glória à criação de Deus. Uma pequena onda … Continuar a ler

Publicado em Crônicas | Etiquetas , , , , , , , , , , , , | 1 Comentário

O Caminho Certo

  Pedro acabara de encher os cantis de água e chamou os outros onze. – Estamos prontos, vamos. – E foram até Jesus. – Senhor, já podemos seguir, estamos prontos. Mas Jesus só o olhou e sorriu.  – Ainda não, … Continuar a ler

Publicado em Contos | Etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , | 11 Comentários

Conhecimento

Era para ser só mais uma reunião de oração, uma conversa simples sobre os amigos, os problemas e a fé. Mas, no meio da noite, perguntas sobre a Bíblia, sobre crenças, sobre os homens, sobre teologia e mais outros assuntos … Continuar a ler

Publicado em Crônicas | Etiquetas , , , , , , , , , , , , , | 3 Comentários

O Leão e a Mariposa

Encontrou a porta aberta e entrou. Sentou-se no último banco, o primeiro que estava vazio, o mais escondido. Lá ficou por um tempo, um bom tempo. O corpo, que não era dela, nunca foi, doía inteiro. Seu rosto ainda ardia. … Continuar a ler

Publicado em Contos | Etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , | 4 Comentários

O Baile da Graça

Otávio estava sentado no sofá se lamentando. “Por que, meu Deus, por quê?”. De cabeça baixa, enxugava algumas lágrimas. Estava na casa de uns amigos e a reunião ia começar. O interfone tocou. Era Maria. Cleuza, a dona da casa, … Continuar a ler

Publicado em Crônicas | Etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 4 Comentários

Pedras que Gritam

Um gigantesco estrondo. O som do céu se rasgando e, num único segundo, milhões desapareceram. Numa casa onde moravam quatro, restou apenas um. Numa igreja onde havia mais de mil, dos quarenta crentes que restaram, alguns rasgaram suas vestes e … Continuar a ler

Publicado em Contos | Etiquetas , , , , , , , , , , , , | 6 Comentários

Quase um Soneto

  Tudo se foi na rude cruz. No corpo morto e sem calor A pedra movida traz a luz. Nas lágrimas, o fim da dor.   Pregos marcam, na carne, a ferida. Escorreu o sangue do vil espinho. No milagre … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Etiquetas , , , | 3 Comentários